Modelo de planejamento estratégico

A definição de metas estabelece a sua visão, enquanto o planejamento estratégico é responsável por executá-la. Use um modelo personalizado para estipular os principais objetivos que, quando alcançados, transformarão ideias em realidade.

Crie o seu modelo

INTEGRATED FEATURES

list iconVisualização de listagoal iconMetasfield-add iconCampos personalizadosdependency iconDependências

Recommended apps

Logomarca do Google Workspace
Google Workplace
Dropbox
Dropbox
Logomarca do Slack
Slack
Ícone da Microsoft
OneDrive

Compartilhar
facebooktwitterlinkedin
[Interface do produto] Projeto de planejamento estratégico na Asana com visualização de projeto no estilo de planilha (lista)

Como identificar prioridades quando você está mapeando a estratégia do seu negócio pela primeira vez? Um modelo de planejamento estratégico ajuda a determinar as suas principais iniciativas e as tarefas que poderão colocá-las em prática. Ao conectar o trabalho às declarações de visão e missão da empresa, você poderá visualizar de que forma os esforços da sua equipe contribuem para as metas do negócio como um todo. Mostraremos como criar um modelo de planejamento estratégico personalizado com o qual você sempre poderá contar.

O que é um modelo de planejamento estratégico?

É uma ferramenta mensurável para mapear formas de concretizar metas e estratégias de negócio mais amplas. Ele funciona como um roteiro entre o ponto em que você está e aquele aonde pretende chegar. Geralmente, o modelo de planejamento estratégico apresenta a declaração de missão da empresa, metas de longo prazo e tarefas práticas de curto prazo que ajudarão a alcançar as metas estipuladas. O plano estratégico é um modelo versátil de planejamento que servirá como base para a criação dos seus planos de ação, planos de marketing e outras iniciativas estratégicas da organização. 

O plano estratégico define metas e ambições de longo prazo, mas é provável que elas tenham de ser modificadas com frequência. Desenvolver um modelo de planejamento estratégico permite ajustar o seu plano de forma rápida e fácil, sem que seja necessário recomeçá-lo do zero futuramente. Se a sua organização for de grande porte, talvez você precise de vários planos estratégicos ao mesmo tempo. Com um modelo multidisciplinar, é possível usá-lo para otimizar o trabalho entre diversas equipes de modo que todos os projetos apontem para as metas mais amplas da sua empresa. 

Benefícios de usar um modelo de planejamento estratégico

O uso de um modelo de planejamento ajuda a estruturar a sua estratégia. Após criá-lo, você poderá:

  • Consultar e compartilhar rapidamente as principais iniciativas com as partes interessadas.

  • Mensurar, de forma proativa, o volume de trabalho e os recursos disponíveis antes de iniciar novos projetos.

  • Reduzir o tempo que as equipes perdem aguardando instruções, já que todos saberão o que fazer e quais são as maiores prioridades.

Como criar um modelo de planejamento estratégico?

Esse tipo de modelo elimina as suposições do seu planejamento estratégico. Com ele, você saberá exatamente o que precisa ser feito (incluindo as tarefas mais básicas) para alcançar até mesmo as metas estratégicas mais ambiciosas. 

1. Crie declarações de visão e de missão

A missão é o objetivo geral da empresa e o motivo pelo qual o seu produto ou serviço existe. De modo semelhante, a visão é o ponto de destino que você almeja para a sua organização. Desenvolver esses dois conceitos é o primeiro passo para definir o que é o seu negócio e o que você deseja alcançar. Isso feito, adicione a missão e a visão ao seu modelo para que o novo planejamento estratégico esteja alinhado a elas.

2. Descubra o seu posicionamento no mercado

Após determinar a sua missão (aquilo que você busca resolver), observe os recursos exclusivos de que você dispõe para cumpri-la. Use uma análise competitiva ou SWOT e identifique qual é a sua situação no mercado, procurando brechas (oportunidades) nas quais a sua empresa pode superar os concorrentes. Examine todos os dados que você tem sobre a sua organização, tais como percepções de mercado, feedback de clientes e insights de funcionários, antes de desenvolver o modelo de planejamento estratégico. 

Crie um modelo de análise competitiva

3. Desenvolva o seu modelo

Esse tipo de modelo funcionará como um núcleo central de referência para boa parte do planejamento e da estratégia da sua empresa ou equipe. Por isso, é necessário que ele conecte as iniciativas amplas da organização com o planejamento de projeto. Um software de gestão de projetos é a forma mais eficiente de fazê-lo, pois permite incluir todas as informações relevantes no mesmo espaço em que está o seu planejamento. Nesse lugar, você poderá adicionar elementos fundamentais ao seu modelo, tais como metas, marcos e listas de pendências, para visualizar como cada ação está diretamente ligada à visão da empresa como um todo.

Ao desenvolver o seu modelo, lembre-se de criar seções para:

  • As declarações de visão e de missão. Assim, você sempre poderá associar as estratégias ao objetivo essencial da sua empresa.

  • Informações dos concorrentes. Inclua dados da análise competitiva que demonstrem os aspectos fundamentais do seu modelo de negócios atual, como precificação, estratégia de marketing e características de desempenho. 

  • Indicadores-chave de desempenho (KPIs). Os KPIs são métricas mensuráveis que mostram como você está progredindo em direção às metas. Use-os para manter o plano estratégico no caminho certo.

  • Ações que não serão realizadas. Para manter o foco e evitar desvios de escopo, também é importante saber quais são os elementos a ignorar. Por exemplo, se você tem uma startup que exige uma alocação de recursos cautelosa, talvez chegue à conclusão de que o planejamento de mídias sociais não é prioridade no momento.

Quando usar o modelo de planejamento estratégico?

De modo geral, você pode usar esse tipo de modelo em qualquer planejamento de objetivos estratégicos mais amplos ou de metas de negócios. Os planos estratégicos costumam ser utilizados por novas empresas ou em planejamentos de longo prazo. Por exemplo: se você tem uma startup, o plano estratégico pode ajudar a nortear os seus rumos e a organizar melhor as próximas ações. Ou então, se o seu negócio existe há muito tempo, é possível desenvolver um plano estratégico de 10 anos para determinar o próximo destino da sua empresa. As organizações sem fins lucrativos também contam com planejamentos estratégicos para prestar contas aos doadores, demonstrando a forma de uso dos recursos captados.

Recursos integrados

  • Visualização de lista. Uma visualização tipo grade que facilita a visualização imediata de todas as informações do projeto. Tal qual uma lista de pendências ou uma planilha, a visualização de lista exibe todas as tarefas ao mesmo tempo para que se possa ver os títulos das tarefas e as datas de conclusão, além de quaisquer campos personalizados relevantes, tais como prioridade, status, entre outros. Favoreça uma colaboração descomplicada dando a toda a sua equipe visibilidade sobre quem está fazendo o quê, e quando.

  • Metas. Na Asana, as metas estão associadas diretamente ao trabalho necessário para alcançá-las, facilitando que os membros da equipe visualizem o fruto das suas próprias contribuições. Afinal, muitas vezes as metas parecem distantes do trabalho que realizamos para atingi-las. Com a equipe e as metas da empresa conectadas ao trabalho subjacente, os membros têm acesso em tempo real e clareza sobre a contribuição dos seus próprios esforços para o sucesso da equipe e da empresa. Assim, eles ficam mais capacitados para tomar decisões melhores, identificando quais são os projetos alinhados à estratégia da empresa e priorizando os trabalhos que oferecem resultados mensuráveis.  

  • Campos personalizados. Estes componentes são a melhor forma de rotular, classificar e filtrar o trabalho. Crie campos personalizados exclusivos para qualquer informação necessária: prioridade, status, e-mail ou número de telefone, etc. Utilize os campos personalizados para ordenar e agendar os seus afazeres, assim você fica sabendo o que fazer primeiro. Além disso, compartilhe os mesmos campos personalizados em diferentes tarefas e projetos para assegurar a consistência por toda a organização.

  • Dependências. Use as dependências para marcar que uma tarefa está aguardando a conclusão de outra. Assim, ficará mais fácil identificar os momentos em que o seu trabalho impede a realização do trabalho de outra pessoa, e você poderá ajustar prioridades com base nisso. Membros de equipes que contam com fluxos de trabalho colaborativos conseguem ver quais tarefas precisam ser previamente concluídas pelos seus colegas, e recebem avisos quando a tarefa precedente estiver concluída e puderem começar os seus próprios trabalhos. Além disso, se a tarefa que está bloqueando o seu trabalho for reagendada, você receberá uma notificação da Asana para avaliar se é necessário ajustar a data de conclusão da tarefa dependente também. 

Aplicativos recomendados

  • Google Workplace. Anexe arquivos diretamente a tarefas na Asana com o seletor de arquivos do Google Workplace, já integrado ao painel de tarefas da Asana. Em poucos cliques, você poderá anexar qualquer arquivo do Meu Drive.

  • Dropbox. Anexe arquivos diretamente às tarefas na Asana com o seletor de arquivos do Dropbox, já integrado ao painel de tarefas da Asana.

  • Slack. Transforme ideias, pedidos de trabalho e coisas a fazer do Slack em tarefas e comentários monitoráveis na Asana. Transforme breves perguntas e afazeres em tarefas com atribuição de responsáveis e datas de conclusão. Registre os trabalhos com facilidade para que não fiquem perdidos no Slack. 

  • OneDrive. Anexe arquivos diretamente a tarefas na Asana com o seletor de arquivos do Microsoft OneDrive, já integrado ao painel de tarefas da Asana. De modo simples, você poderá anexar arquivos do Word, Excel, PowerPoint, etc.

Perguntas frequentes

Quais são as etapas de um processo de planejamento estratégico?

Para usar um modelo no seu planejamento estratégico, siga estas quatro etapas: identifique a sua situação atual, desenvolva uma estratégia, crie um plano e compartilhe-o com os outros.

Como criar um modelo de planejamento estratégico?

Escreva declarações de visão e de missão para guiar o modelo, depois desenvolva-o deixando um espaço para informações da empresa (incluindo uma análise competitiva que demonstre o seu posicionamento no mercado), objetivos principais, metas e métricas que ajudarão a determinar se você teve sucesso.

Por que é importante ter um modelo de planejamento estratégico?

Esse tipo de modelo apresenta os elementos fundamentais para dar estrutura às suas metas mais ambiciosas e à missão geral da empresa, tais como metas de curto prazo, KPIs e análises competitivas.

Trabalho em uma startup. O modelo de planejamento estratégico é útil para mim?

Sim, startups e pequenas empresas também podem se beneficiar de modelos de planejamento estratégico. Por permitirem uma personalização completa, é possível criá-los conforme as suas necessidades específicas e ajustá-los para atender às mudanças e ao crescimento da sua empresa.

Crie modelos com a Asana

Saiba já como criar um modelo personalizável na Asana com uma avaliação gratuita do Premium.

Começar