Modelo de análise competitiva

Quanto mais informações você tem sobre os concorrentes, melhor é a sua estratégia. Os modelos de análise competitiva se baseiam em dados para saber de modo preciso como o seu negócio e os seus produtos e recursos se comparam com os da concorrência.

Crie o seu modelo

INTEGRATED FEATURES

list iconVisualização de listareporting iconGeração de relatóriosfield-add iconCampos personalizadosboard iconQuadros

Recommended apps

Logotipo Hubspot
Hubspot
Dropbox
Dropbox
Ícone da Salesforce
Salesforce
Logomarca do Google Workspace
Google Workplace

Compartilhar
facebooktwitterlinkedin
[Interface do produto] Projeto de análise competitiva na Asana com visualização de projeto no estilo de planilha (lista)

O modelo de análise competitiva é um recurso que pode ser consultado diversas vezes para compreender a concorrência, não importa se você estiver se preparando para lançar um novo negócio ou se quiser melhorar a participação de mercado atual da empresa. A seguir, vamos mostrar o que é um um modelo de análise competitiva e como criar a sua própria versão personalizada.

O que é um modelo de análise competitiva?

O modelo de análise competitiva é um documento, planilha ou projeto que ajuda a executar análises competitivas de rotina. Com o uso de dados e métricas, a análise mostra o ambiente competitivo (incluindo a concorrência indireta) e a situação da sua empresa nesse ambiente. 

Qual é a importância de usar um modelo de análise competitiva?

Ao analisar os itens de logística, como características e preços dos produtos, assim como observações qualitativas (pontos fortes e fracos da concorrência), é possível identificar o que os seus concorrentes diretos estão oferecendo. Estes dados poderão ser comparados com os seus próprios recursos, pontos fortes e fracos para elaborar uma melhor estratégia de negócio direcionada ao seu público-alvo.

Os modelos de análise competitiva também permitem que você:

  • Mantenha-se a par das tendências e oportunidades do setor.

  • Compreenda a concorrência.

  • Reduza o trabalho administrativo de rotina ao utilizar o mesmo modelo em cada nova sessão de planejamento e revisão de projetos.

Quando usar os modelos de análise competitiva

É sempre importante estar a par do que ocorre no setor, mas veja a seguir os momentos nos quais o seu modelo de análise competitiva será mais útil:

  • Durante o planejamento estratégico. Use o modelo para incorporar as informações da concorrência à sua estratégia durante as sessões de planejamento de projetos mais importantes ou em reuniões de definição de metas de longo prazo, tais como as de planejamento anual. 

  • Nos lançamentos. Se um novo concorrente entra no mercado ou se a sua empresa está se preparando para um novo lançamento de produto, a análise competitiva mostrará como se posicionar e melhorar a estratégia de lançamento.

  • Durante o desenvolvimento das estratégias de marketing. Os backlinks, o marketing de conteúdo e a comunicação da marca necessitam do apoio dos clientes para terem sucesso. Analisar a abordagem dos concorrentes pode revelar a que os clientes respondem ou o que rejeitam.

  • Na identificação do seu mercado-alvo. Saiba quem você quer trazer para a sua base de clientes ao olhar para quem compra dos seus concorrentes. Os seus clientes podem não ser os mesmos, mas essa também é uma excelente maneira de identificar lacunas na estratégia de marketing dos concorrentes, que podem estar deixando de ganhar mercados importantes.

  • Na determinação da viabilidade de uma ideia de startup, produto ou negócio. O modelo de análise dos concorrentes pode mostrar se a sua proposta de valor é exclusiva, quando comparada ao que existe atualmente no mercado.

Como criar um modelo de análise competitiva

O modelo de análise competitiva deve conter todas as seções necessárias à realização do seu fluxo de trabalho de análise competitiva. 

Você pode ajustar as seções de acordo com as suas necessidades específicas, mas aqui apresentamos algumas ideias para começar:

  • Perfil do concorrente: inclua o tamanho da empresa (número de funcionários), o site do concorrente e as contas de redes sociais como pontos de referência.

  • Dados e métricas de pesquisa de mercado: inclua números como receita, preços e posição atual de mercado.

  • Características dos produtos dos concorrentes: podem ser um recurso específico que você queira comparar com os seus próprios produtos, ou uma lista completa de recursos se você estiver realizando uma análise mais ampla da empresa.

  • Marketing de produtos dos concorrentes: inclua o engajamento em mídias sociais e campanhas de marketing de produtos.

  • Resultados da análise SWOT: execute umaanálise SWOT para determinar os pontos fortes e fracos, as oportunidades e as ameaças dos seus concorrentes.

Em cada seção, inclua espaços tanto para as informações dos concorrentes quanto para as suas próprias. Essa comparação lado a lado é um componente importante da estrutura de análise porque permite ver onde você tem um bom desempenho e onde estão as oportunidades de melhorias. Certifique-se de incluir ambas para aproveitar ao máximo a sua análise.

Recursos integrados

  • Visualização de lista. Uma visualização tipo grade que facilita a visualização imediata de todas as informações do projeto. Tal qual uma lista de pendências ou uma planilha, a visualização de lista exibe todas as tarefas ao mesmo tempo para que se possa ver os títulos das tarefas e as datas de conclusão, além de quaisquer campos personalizados relevantes, tais como prioridade, status, entre outros. Favoreça uma colaboração descomplicada dando a toda a sua equipe visibilidade sobre quem está fazendo o quê, e quando.

  • Relatórios. Os relatórios da Asana traduzem os dados de um projeto em gráficos visuais e facilmente compreensíveis. Ao gerar relatórios de trabalho no próprio local onde ele é realizado, você reduz a redundância de tarefas e a alternância desnecessária entre aplicativos. Como todo o trabalho da equipe está na Asana, é possível acessar dados de qualquer projeto ou equipe para obter um panorama preciso do que está acontecendo, em um único lugar.

  • Visualização em quadro. Trata-se de uma visualização tipo quadro Kanban que exibe as informações do projeto em colunas. As colunas são geralmente organizadas pelo status do trabalho (como a fazer, em andamento e concluído), mas os títulos das colunas podem ser adaptados de acordo com as necessidades do projeto. Dentro de cada coluna, as tarefas são exibidas como cartões que incluem diversas informações associadas, como o título da tarefa, a data de conclusão e campos personalizados. Acompanhe o trabalho à medida que ele se move pelos estágios e obtenha uma percepção geral e instantânea da situação do projeto.

  • Campos personalizados. Estes componentes são a melhor forma de rotular, classificar e filtrar o trabalho. Crie campos personalizados exclusivos para qualquer informação necessária: prioridade, status, e-mail ou número de telefone, etc. Utilize os campos personalizados para ordenar e agendar os seus afazeres, assim você fica sabendo o que fazer primeiro. Além disso, compartilhe os mesmos campos personalizados em diferentes tarefas e projetos para assegurar a consistência por toda a organização.

Aplicativos recomendados

  • Hubspot. Automatize a criação de tarefas Asana usando os HubSpot Workflows. Com os HubSpot Workflows, você pode usar todos os dados de clientes no HubSpot CRM para criar processos automatizados. Esta integração permite que você transfira trabalhos entre as equipes de forma integrada quando, por exemplo, as negociações ou tíquetes forem concluídos no HubSpot.

  • Dropbox. Anexe arquivos diretamente às tarefas na Asana com o seletor de arquivos do Dropbox, já integrado ao painel de tarefas da Asana.

  • Salesforce. Remova gargalos ao possibilitar que as equipes de vendas, serviços e sucesso do cliente se comuniquem diretamente com as suas respectivas equipes de suporte na Asana. Compartilhe anexos e crie tarefas práticas e monitoráveis para as necessidades pré-venda. Use o Service Cloud para conectar as suas equipes de implementação e serviços às equipes de suporte na Asana, proporcionando experiências incríveis para os clientes.

  • Google Workplace. Anexe arquivos diretamente a tarefas na Asana com o seletor de arquivos do Google Workplace, já integrado ao painel de tarefas da Asana. Em poucos cliques, você poderá anexar qualquer arquivo do Meu Drive.

Qual é a diferença entre uma análise de mercado e uma análise competitiva?

A análise competitiva é um subcomponente da análise de mercado. Use o modelo de análise de mercado para examinar tudo o que impacta o seu negócio no ambiente de mercado mais amplo. O modelo de análise competitiva, por outro lado, pode ser utilizado para simplesmente comparar o seu negócio com os concorrentes. 

Como posso criar um modelo de análise dos concorrentes?

Crie um modelo de análise dos concorrentes com seções para cada aspecto da pesquisa competitiva, incluindo uma visão geral dos concorrentes, assim como dados e métricas de pesquisa de mercado, características dos produtos, iniciativas de marketing e uma análise SWOT

Quais são as etapas da realização de uma análise competitiva com este modelo?

Para realizar uma análise competitiva com o seu modelo, pesquise e preencha os campos relativos a: números da pesquisa de mercado sobre as características do produto, iniciativas de marketing, análises SWOT e preços. Isso ajudará a criar uma comparação abrangente entre o seu negócio e o dos concorrentes.

Crie modelos com a Asana

Saiba já como criar um modelo personalizável na Asana com uma avaliação gratuita do Premium.

Começar