Escreva metas excelentes com as Metas da Asana

Para o monitoramento de metas funcionar, as equipes precisam concordar em que consiste uma meta bem escrita.

Não deixe de ler a seguir se você está começando a aprender sobre monitoramento de metas ou procurando ajuda para desenvolver metas que funcionam.

Metas excelentes têm três características:

1. Intenção clara

Geralmente as metas são classificadas ou como inspiradoras ou como mensuráveis, a depender da intenção que lhes foi dada.

As metas inspiradoras são afirmações ambiciosas e desafiadoras que descrevem um ponto de chegada. Elas devem representar um progresso em direção à missão da organização.

Por exemplo, se a missão da empresa é “Tornar-se o sorvete vegano mais popular do mundo”, a meta inspiradora seria, por exemplo: “Tornar-se a marca de sorvete mais popular nas redes sociais este ano”.

As metas inspiradoras não são missões nem estratégias. Elas devem descrever um resultado que pode ser alcançado no período estipulado, com o objetivo de conduzir as suas equipes numa mesma direção e ajudá-las a criar metas concretas para chegar até lá. Essas metas concretas são a segunda categoria das metas.

Os objetivos da sigla inglesa OKR (objetivos e principais resultados) têm a função de inspirar.

As metas mensuráveis são as coisas específicas que você deseja alcançar. Por exemplo: “Aparecer nos Assuntos do Momento do Twitter todos os meses do ano”.

Se as metas inspiradoras são o ponto de chegada, as metas mensuráveis são o mapa que mostra como avançar até lá.

Escreva metas mensuráveis que estejam conectadas à meta inspiradora. A meta inspiradora será alcançada quando todas as metas mensuráveis relacionadas forem atingidas.

Os principais resultados da sigla inglesa OKR (objetivos e principais resultados) têm a função de serem mensurados.

As metas mensuráveis devem sempre amparar as metas inspiradoras. Se você não associar metas mensuráveis à afirmação “Tornar-se a marca de sorvete mais popular nas redes sociais este ano”, será difícil determinar se ela foi alcançada ou não.

Incentive as suas equipes a se perguntarem se as metas criadas são inspiradoras ou mensuráveis.

2. O sucesso precisa de definição

O alicerce de uma meta excelente é ter uma definição clara do que é o sucesso. Há dois componentes: a descrição da meta e os critérios de classificação para avaliar o alcance da meta.

Descrição da meta

A descrição deve responder a estas perguntas:

  • Por que estamos definindo esta meta?
  • O que buscamos alcançar?

Caso não haja critérios claros de classificação da meta, a sua descrição pode responder a: “Como seria a materialização ou a sensação do sucesso?”.

Critérios de classificação

Na Asana, cada meta pode ser classificada como Alcançada, Parcial ou Perdida, portanto é importante incluir os critérios para avaliá-las.

Nas metas inspiradoras, os critérios de classificação são relativos às submetas mensuráveis que contribuem para o seu alcance. Eles podem ser definidos de diferentes formas, como:

  • Alcançada: “Cinco de cinco submetas foram alcançadas”.
  • Parcial: “Foram alcançadas, no mínimo, três submetas” ou “As submetas X, Y e Z foram alcançadas”.
  • Perdida: “Menos de três submetas foram alcançadas”.

A Asana calcula automaticamente a percentagem de uma meta principal com base na percentagem das submetas relacionadas. Saiba mais sobre o valor acumulado automático do progresso.

Recomenda-se que cada meta tenha de três a cinco submetas, e no máximo dez. Do contrário, torna-se mais difícil compreender a relação entre submetas e metas principais.

As metas mensuráveis têm de incluir objetivos para que você possa determinar o nível de sucesso de cada uma. Crie-os de forma que seja fácil determinar se foram ou não atingidos.

Eis alguns exemplos:

  • Binários (sim ou não): “Conduzimos uma pesquisa em toda a empresa”.
  • Percentuais: “Aumentamos a base de clientes em 120%”.
  • Numéricos: “Desenvolvemos e lançamos 12 novos cursos”.
  • Monetários: “Alcançamos US$ 100 milhões em receitas anuais”.

As métricas também estão associadas a níveis de classificação:

  • Alcançada: “Conseguimos US$ 100 milhões em receitas anuais”.
  • Parcial: “Conseguimos US$ 80 milhões ou mais em receitas anuais”.
  • Perdida: “Conseguimos menos de US$ 80 milhões em receitas anuais”.

Nos casos em que o sucesso está associado à conclusão de marcos, projetos ou metas, a Asana pode tomá-los como base para atualizar o progresso de uma meta automaticamente. Ou você pode definir métricas e atualizar as metas manualmente.

3. Especificidade

Torne específico o conteúdo da sua meta para reduzir ambiguidades e permitir que as equipes se alinhem. Inclua as seguintes informações:

O quê

  • Use um nome claro e conciso que represente a intenção da meta.
  • As metas têm de ser ambiciosas, mas ainda assim alcançáveis. É preciso que sejam desafiadoras, mas contem com um plano claro para atingi-las.
  • Se possível, inclua detalhes relacionados ao plano de execução (os marcos da meta principal, por exemplo).

Quem

Responsáveis:

  • Atribua um proprietário a uma meta. A Asana foi criada de forma que as metas tenham somente um proprietário, viabilizando uma prestação de contas clara. Os proprietários podem consultar as metas sob sua responsabilidade na guia “Minhas metas” da Asana.
  • Quando possível, designe uma equipe para que fique responsável pelas metas que não são da empresa como um todo. As equipes na Asana podem ser específicas ou representar grupos como divisão, função, região ou grupos multissetoriais. Os membros da equipe podem consultar as metas atribuídas à sua própria equipe na guia “Metas da equipe”, na Asana.

Partes interessadas:

  • Nos casos em que há outras pessoas envolvidas na meta, elas podem ser adicionadas como membros.
  • Se muitos participantes tiverem funções claras na meta, considera-se boa prática adicionar tais informações na descrição (por exemplo: uma matriz RACI detalhando as responsabilidades).

Quando:

  • Lembre-se de atribuir um período para conclusão das metas, como “1º trimestre”.
  • Os períodos são importantes para determinar em que momento a meta será avaliada.
  • Se a meta estiver associada a uma data mais específica, adicione uma data de conclusão personalizada. Uma semana antes desta data, a Asana enviará ao proprietário da meta um lembrete para concluí-la.

Como

  • As metas que contribuem para uma meta principal devem ser adicionadas como submetas desta.
  • Adicione os trabalhos que contribuem para uma meta:
    • Os projetos podem ser adicionados como contribuintes diretos do progresso de uma meta, por meio do valor acumulado automático do progresso.
    • Projetos e portfólios relacionados podem ser adicionados como referência na seção Referências de uma meta.

Escrever metas excelentes não precisa ser difícil. Ao definir intenções claras para a sua meta, você poderá determinar os resultados daquilo que deseja alcançar e definir o que significa sucesso. Você também terá de detalhar como será feita a avaliação do progresso da meta.

Lembre-se de especificar de que forma e até quando a meta deve ser alcançada. Defina os responsáveis pela meta para promover a prestação de contas e mantenha as partes interessadas informadas acerca de como o trabalho delas contribui para o progresso da meta.

Mais recursos sobre Metas da Asana

Desculpe, este navegador não é compatível com o nosso aplicativo

A Asana não funciona corretamente no navegador de Internet que você está usando. Faça o seu cadastro através de um destesnavegadores compatíveis.