Importador de CSV

Comece a usar a Asana com seus próprios dados de maneira rápida e fácil.

O importador de CSV ajuda a transferir o seu fluxo de trabalho de ferramentas como Excel ou Smartsheet para a Asana, para que possa começar imediatamente em qualquer projeto. Além disso, você pode importar dados de outras ferramentas de gerenciamento de trabalho.

Assim que a importação for concluída, você verá imediatamente suas linhas convertidas em tarefas monitoráveis em um projeto, e as colunas como metadados dessas tarefas.

Antes de começar: dicas para organizar os dados na sua planilha

tela da planilha com referências para os nomes das colunas

O importador de CSV permite transferir seus dados para a Asana sem nenhum mapeamento manual. É possível nomear as colunas da sua planilha da seguinte forma para vincular automaticamente os campos no seu projeto:

  1. Nome: use esta coluna para os nomes das tarefas no seu projeto
  2. Descrição: forneça detalhes e o contexto das tarefas usando esta coluna
  3. Responsável: atribua um proprietário a cada tarefa adicionando endereços de e-mail de usuários Asana válidos do seu espaço de trabalho ou organização. As tarefas criadas na Asana só podem ser atribuídas a um colega de equipe
  4. Colaboradores: é possível adicionar no máximo um colega de equipe como colaborador de uma tarefa adicionado o endereço de e-mail de um usuário Asana válido do seu espaço de trabalho ou organização em uma coluna separada
  5. Data de conclusão: use o formato de data padrão dos EUA (mês/dia/ano) para monitorar as datas de conclusão de cada tarefa
  6. Data de início: adicione uma coluna separada para as datas de início – um recurso Asana Premium. Se você não estiver usando a versão Premium, as informações contidas na coluna da data de início serão exibidas na descrição da sua tarefa
  7. Tipo: defina “marco” como um valor para diferenciar os marcos das tarefas no seu projeto
  8. Seção/coluna: uma nova seção será criada quando você mover manualmente as tarefas para a seção ou coluna desejada
  9. Outras informações: as informações das colunas adicionais serão listadas de cima para baixo no campo da descrição da tarefa, seguindo a ordem das colunas

Inclua sempre uma linha de cabeçalho com os nomes das colunas para que o importador de CSV reconheça o tipo de dados que está sendo importado

Importar subtarefas para um projeto

tela da planilha com referências para vincular subtarefas

Para importar subtarefas a partir do importador de CSV:

  1. Na sua planilha, crie uma nova coluna denominada subtarefa de
  2. Preencha a coluna subtarefa de com o mesmo nome da tarefa principal na linha correspondente

A tarefa principal deve estar acima da linha em questão no arquivo CSV. Se houver mais de um nome que corresponda ao da tarefa principal no arquivo CSV, será usada a linha correspondente mais próxima que estiver acima.

Definir dependências entre as tarefas

tela da planilha com referências para definir as dependências

Para especificar as dependências a partir do importador de CSV:

  1. Na sua planilha, crie uma nova coluna denominada Dependentes
  2. Preencha a coluna Dependentes para listar as tarefas que estão bloqueando a linha atual

Elas devem corresponder exatamente aos nomes das tarefas dependentes. As tarefas dependentes devem estar acima da linha em questão no arquivo CSV. Se houver mais de um nome que corresponda ao de uma tarefa dependente no arquivo CSV, será usada a linha correspondente mais próxima que estiver acima.

Importar dados como campos personalizados no seu projeto

As colunas adicionais podem ser vinculadas a campos personalizados para categorizar e monitorar as prioridades da tarefa, o estágio do projeto, a equipe ou o prazo estimado, e outros.

tela da planilha com destaque para as colunas dos campos personalizados

Os campos personalizados podem conter texto, números ou valores dos menus suspensos. As colunas sem nomes correspondentes a campos específicos da Asana, como Nome ou Seção, serão vinculadas como campos personalizados no projeto.

Os dados contidos no arquivo CSV podem ser vinculados a campos personalizados novos ou já existentes no projeto:

  • Os novos campos personalizados serão criados automaticamente para os novos projetos importados a partir da opção Importar planilha. Por padrão, esses novos campos personalizados estarão disponíveis apenas para o projeto em questão

  • Serão automaticamente criados campos personalizados novos em projetos já existentes quando o arquivo CSV for importado para o projeto em questão. Isto acontecerá quando o nome da coluna não corresponder a nenhum campo personalizado já existente no projeto ou na sua organização. Por padrão, esses novos campos personalizados estarão disponíveis apenas para o projeto em questão

  • Os dados serão vinculados aos campos personalizados já existentes em um projeto ou organização contanto que o projeto tenha sido criado primeiro. É possível usar os campos personalizados já existentes nesse projeto antes de importar o arquivo CSV, ou fazer a equivalência das informações contidas no arquivo CSV com os campos personalizados na sua organização.

Para vincular os dados do arquivo CSV aos campos personalizados já existentes, assegure-se de que os dados contidos em suas colunas correspondam às opções dos campos personalizados no projeto ou organização. Se uma única célula tiver um erro ortográfico ou uma diferença de pontuação, não será feita a importação de uma seleção de campo personalizado.

Como importar uma planilha para a Asana usando o importador de CSV

Há três formas diferentes de importar os dados de um arquivo CSV na Asana: ao criar um novo projeto a partir de uma equipe; ao usar o botão de adição rápida; e a partir do menu suspenso em um projeto já existente.

Importar uma planilha a partir do botão “Criar projeto” de uma equipe

tela da opção Importar planilha do menu Criar projeto

Para importar um arquivo CSV com o objetivo de criar um novo projeto a partir de uma equipe:

  1. Na barra lateral, clique no botão + ao lado do nome da sua equipe para exibir as opções para Criar projeto
  2. Selecione a opção Importar planilha

Importar uma planilha a partir do botão de adição rápida

tela da opção Importar planilha no modal do modelo

Para importar um arquivo CSV com o objetivo de criar um novo projeto a partir do botão de adição rápida:

  1. Clique no botão de adição rápida no canto superior direito e selecione Projeto
  2. Na janela Escolha um modelo de projeto, clique em Importar planilha

Importar uma planilha a partir do menu suspenso de um projeto já existente

tela da opção Importar CSV no menu do projeto

Para importar um arquivo CSV com o objetivo de adicionar tarefas a um projeto:

  1. Selecione o menu suspenso do cabeçalho do projeto ao lado do nome do projeto
  2. Passe o ponteiro do mouse sobre Importar
  3. Escolha CSV

Incluir detalhes, selecionar um arquivo e visualizar o projeto

Adicionar detalhes ao seu projeto

tela do modal Adicionar detalhes ao projeto

Após selecionar a opção para importar uma planilha ou um arquivo CSV, aparecerá uma tela para especificar as informações sobre o seu projeto, como nome e configurações de privacidade:

  1. Use o campo Nome do projeto para intitular o seu projeto
  2. Selecione a equipe à qual deseja adicionar o projeto
  3. Defina as [configurações de privacidade] do projeto (https://asana.com/guide/help/permissions/project-permissions), optando por tornar o projeto público para toda a equipe ou apenas para os membros específicos do projeto
  4. Clique em Selecionar o arquivo a importar para prosseguir

Selecionar um arquivo CSV para importar

tela do modal para selecionar um arquivo CSV

Depois de especificar o nome do projeto, você poderá selecionar o arquivo que deseja importar.

Clique em Selecionar um arquivo CSV para importar para escolher o arquivo CSV no seu computador. Você também pode arrastar o arquivo do seu computador e soltá-lo nesta janela.

Visualizar o seu projeto

tela do modal de visualização

Você pode ver uma prévia do projeto e, se necessário, fazer alterações antes de concluir a importação do arquivo CSV:

  1. Clique em Enviar um novo CSV para voltar à tela anterior e selecionar um arquivo CSV diferente
  2. Selecione a opção Fazer alterações caso precise editar as informações que foram enviadas para o projeto a partir do arquivo CSV
  3. Clique em Ir para o projeto se estiver satisfeito com a aparência do seu projeto

Fazer alterações na forma como os dados são vinculados

Você pode modificar o mapeamento dos dados, as colunas importadas e a codificação antes de criar o seu projeto. Para isso, selecione a opção Fazer alterações na tela de visualização.

Fazer alterações no mapeamento

tela do modal de visualização com destaque para as alterações no mapeamento

Clique nos cabeçalhos das colunas para alterar o campo ao qual você deseja vincular.

Também é possível fazer alterações no tipo do campo personalizado. Por exemplo, se uma coluna exibe valores numéricos e o tipo do campo personalizado foi definido como Campos numéricos, você tem a opção de alterá-lo para Campos de texto.

Observe que a coluna Nome das tarefas não é passível de alterações. Para selecionar uma coluna específica no seu arquivo CSV para ser o nome da tarefa, certifique-se de que a primeira linha dessa coluna tenha “Nome” como valor. As informações contidas no arquivo CSV são vinculadas na Asana usando os nomes das colunas.

Ignorar colunas do arquivo CSV original

tela do modal de visualização com destaque para o menu das colunas

Você pode clicar na opção Ignorar colunas para ignorar as colunas que contêm dados que você não quer importar para o seu projeto.

Alterar a codificação

tela do modal de visualização com destaque para o ícone de codificação

Se o CSV estiver num formato de codificação diferente ou for de uma região distinta, você pode clicar no ícone de codificação de caracteres para alterar a codificação para UTF-8, Windows, Macintosh ou Shift JIS.

Desculpe, este navegador não é compatível com o nosso aplicativo

A Asana não funciona corretamente no navegador de Internet que você está usando. Faça o seu cadastro através de um destesnavegadores compatíveis.

Escolha o idioma

Escolher um idioma também poderá alterar o conteúdo em asana.com